Diretrizes para autores

 

ATENÇÃO: A partir da edição 28 da PAG de 2022, os artigos serão obrigatoriamente publicados na língua inglesa. Poderão tramitar em português, mas a partir do aceite do manuscrito, ele deverá ser traduzido para o inglês pelos autores para futura editoração e publicação.  Essa alteração é necessária tendo em vista a futura indexação da PAG em indexadores internacionais. Os artigos em inglês tem maior potencial de visualização e citação, sendo positivo para os autores e para a revista.

 

INSTRUÇÃO PARA AUTORES

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.

  • A contribuição é original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outra revista; caso contrário, deve-se justificar em "Comentários ao editor".
  • O arquivo da submissão está em formato Microsoft Word.
  • Incluir nos metadados e na cover letter, as informações completas de todos autores, com respectivos e-mails, instituições/afiliações e ORCID.
  • O texto está sem identificação de autores e afiliações. Veja como remover informações de autores em: http://revistapag.agricultura.rs.gov.br/ojs/index.php/revistapag/announcement/view/
  • Os autores constam na página de título e autores separadamente.
  • O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos em Diretrizes para Autores.
  • URLs e DOI para as referências foram informadas quando possível.
  • O texto está em espaço 1,5; usa uma fonte de 11-pontos; emprega itálico em vez de sublinhado (exceto em endereços URL); as figuras e tabelas estão inseridas no texto, não no final do documento na forma de anexos.
  • Resumo contém no máximo 200 palavras.
  • Anexou Cover Letter, incluindo declaração do autor de correspondência em seu nome e dos demais coautores, mencionando os potenciais conflitos de interesse, que o trabalho não foi publicado anteriormente, nem enviado simultaneamente para publicação em outro periódico e que os autores concordam com a submissão, conteúdo e transferência dos direitos de publicação do artigo em questão para a PAG.
  • Incluiu na Cover Letter os nomes e endereços de e-mail institucionais de vários revisores em potencial.
  • Incluiu a aprovação do Comitê de Ética relativo a estudos que envolvam seres humanos, inclusive em estudos com questionários. De igual forma, em caso de estudos com animais de experimentação e/ou organismos geneticamente modificados, os autores deverão incluir na declaração, sob sua inteira responsabilidade, que o trabalho possui autorização pelas Comissões de Ética e/ou Biossegurança e/ou Comitê de Ética em Pesquisa, juntamente com o número de aprovação do processo.

 

METADADOS DA SUBMISSÃO (PREENCHER NO MOMENTO DA SUBMISSÃO NO SITE)

  1. Inserir título; resumo e palavras-chave em inglês e português;
  2. Inserir nome, afiliações e ORCID de todos autores e coautores;
  3. Selecionar o idioma do manuscrito.

 

Diretrizes para Autores  

Escopo

A revista Pesquisa Agropecuária Gaúcha (PAG) pertence ao Departamento de Diagnóstico e Pesquisa Agropecuária (DDPA) da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural do Estado do Rio Grande do Sul. Publica artigos científicos, revisões bibliográficas, notas e textos científicos referentes à área de Ciências Agrárias, prioritariamente em inglês.

 São aceitos para publicação:

  1. a) Artigos Científicos inéditos;
  2. b) Revisões, devem abordar o estado atual de conhecimento sobre um assunto particular por meio da análise e discussão de informações já publicadas, devendo incluir comentários críticos e uma conclusão;
  3. c) Notas Científicas, destinadas à apresentação de inovações metodológicas e resultados iniciais com caráter inovador e rigor científico, visando garantir a primazia no relato de um produto, processo ou conhecimento científico, em textos com até dez páginas, contendo os mesmos itens do artigo científico, porém com texto único para introdução, material e métodos, resultados e discussão e conclusões (sem divisões);
  4. d) Relatos de Caso, relato de observações inéditas, pouco frequentes, diferentes ou raramente observadas nas áreas de escopo da revista, os quais poderão ter até dez páginas.
  5. e) Comentários (até 1.500 palavras): notas, opiniões, comentários e ensaios curtos sobre temas relevantes para todos os setores agropecuários. Essa seção é destinada a estimular a discussão e o debate crítico-opinativo de temas relevantes nas ciências agrárias. 
  6. f) Editoriais são artigos curtos, somente a convite dos editores-chefe.

 

Revisão por pares

Esta revista opera em um processo de revisão duplo-cego.  Veja mais em: http://revistapag.agricultura.rs.gov.br/ojs/index.php/revistapag/revisao

 

Garantindo o blind review:

Para garantir a integridade da avaliação por pares cega para a submissão a PAG, todo esforço deve ser feito para evitar que as identidades dos autores e revisores seja conhecida um ao outro. Isto envolve os autores, editores e revisores (que carregam documentos como parte de sua revisão) verificando se medidas foram tomadas em relação ao texto e as propriedades do arquivo em:

http://revistapag.agricultura.rs.gov.br/ojs/index.php/revistapag/blind-review

 

Políticas de ética em pesquisas com seres humanos ou animais

A Revista PAG somente aceitará submissões com o número de aprovação do Comitê de Ética relativo a estudos que envolvam seres humanos, inclusive em estudos com questionários. De igual forma, em caso de estudos com animais de experimentação e/ou organismos geneticamente modificados, os autores deverão incluir na declaração, sob sua inteira responsabilidade, que o trabalho possui autorização pelas Comissões de Ética e/ou Biossegurança e/ou Comitê de Ética em Pesquisa, juntamente com o número de aprovação.

Saiba mais sobre as políticas de ética da PAG em:

 http://revistapag.agricultura.rs.gov.br/ojs/index.php/revistapag/politicas

 

Apresentação

  1. O manuscrito deverá ser enviado como arquivo anexo, sem identificação de autoria. Os autores e afiliações devem ser enviados em arquivo separado (Página de título). O arquivo com o texto do artigo deve estar sem identificação de informações pessoais, de autoria ou propriedades que identifiquem um ou mais autores pelos revisores.
  2. O manuscrito deverá ser enviado em formato compatível com editor de texto Word, em fonte Times New Roman 11, em tamanho A4 (21 x 29,7 cm), sem marca d’água;
  3. O manuscrito deverá ser digitado com espaçamento entre linhas de 1,5, parágrafo justificado e com linhas numeradas no modo contínuo;
  4. O Resumo deve conter no máximo 200 palavras.
  5. Padronizar os trabalhos usando códigos de nomenclatura reconhecidos internacionalmente. Nomes científicos e outros latinos, bem como palavras escritas em língua diferente da utilizada no corpo do manuscrito, deverão ser escritos em itálico. No resumo e abstract, adotar nomenclatura binomial completa. Nomes de cultivares devem ser escritos entre aspas simples, quando não estiverem precedidos da palavra cultivar.
  6. Usar somente abreviações de unidades do Sistema Internacional (SI). Abreviações não convencionais devem ser apresentadas por extenso quando aparecerem no texto pela primeira vez;
  7. Separar valores de unidades de medida com um espaço (35 kg). Usar a simbologia internacional (25 kg ha-1);
  8. Apresentar numerais de zero a dez por extenso. Para medidas exatas, séries de quantidades e em apresentações estatísticas, os números devem ser em algarismos arábicos. Onde a fluência do texto exigir e em início de parágrafo, escrever o número por extenso;
  9. Quando apropriado, usar símbolos para designar os elementos e compostos químicos, especialmente se estes forem citados mais de uma vez ao longo do texto;
  10. Usar nomes comuns de princípios ativos e formulações químicas. Nomes comerciais, se usados, deverão ser identificados como tal;
  11. Evitar neologismos e figuras de linguagem inadequados à comunicação científica.

 

IDIOMA

A partir da edição 28 da PAG de 2022, os artigos serão obrigatoriamente publicados na língua inglesa. Poderão tramitar em português, mas a partir do aceite do manuscrito, ele deverá ser traduzido para o inglês pelos autores para futura editoração e publicação.  Essa alteração é necessária tendo em vista a futura indexação da PAG em indexadores internacionais. Os artigos em inglês tem maior potencial de visualização e citação, sendo positivo para os autores e para a revista.

O manuscrito deverá ser redigido sempre com título, resumo e palavras-chave em dois idiomas (inglês e português). Quando escrito em inglês, título, resumo e palavras-chave deverão ter uma versão também em português. 

Em qualquer caso, escreva seu texto com boa gramática e ortografia em qualquer idioma.

 

ESTRUTURA E ORGANIZAÇÃO

A estrutura do artigo científico deve ser constituída conforme orientação abaixo. Uma página de título separada deve ser enviada junto com o manuscrito. O texto principal do manuscrito deve estar separado do nome dos autores e afiliações, de forma a manter o sigilo de autoria no processo de revisão.

 

PÁGINA DE TÍTULO E AUTORIA

A página de título do manuscrito, deve conter:

  • Título do trabalho no idioma do manuscrito.
  • Nome e afiliação de todos autores, e e-mail do autor de correspondência.
  • Um ID ORCID de todos autores, disponível gratuitamente em https://orcid.org.

 

  1. Autoria: separados com espaço de uma linha abaixo do título, os nomes dos autores serão escritos completos, por extenso e em sequência, centralizados e separados por vírgula, com afiliação inserida com seção Referências > inserir nota de rodapé, para identificar a instituição a que pertence.

Endereço eletrônico somente do autor de correspondência. Enviado em arquivo separado do texto do manuscrito (página de título). Veja detalhes em: https://www.youtube.com/watch?v=W-3qhNJRZTc

 

  1. Título: deve ser claro, breve, conciso e informar o conteúdo do trabalho. Não deve conter abreviações, fórmulas e símbolos. Deve ser grafado em letras minúsculas, exceto a letra inicial, em negrito, sem ponto final e centralizado. Evitar uso de nomes científicos para espécies, principalmente aquelas com nome popular conhecido. Em manuscritos redigidos no idioma inglês, incluir versão em português do título.

 

RESUMO E PALAVRAS-CHAVE

O Resumo deve ser suficientemente informativo, para que o leitor identifique o conteúdo e o interesse do trabalho. Não poderá ultrapassar 200 palavras e deverá ser escrito em um só parágrafo.

As Palavras-chave devem aparecer logo após o resumo, com espaço de uma linha, devem ser indicadas de três (3) a seis (6) palavras para indexação, diferentes das que compõem o título. Devem ser grafadas em letras minúsculas, exceto a letra inicial, separadas por ponto, i.e. Agronomia. Produção agropecuária. Zea mays.

 

TEXTO DO MANUSCRITO

Texto do manuscrito deve estar alinhado justificado. Fonte Times New Roman tamanho 11, espaçamento 1,5. Usar  itálico em vez de sublinhado (exceto em endereços URL).

Introdução: a palavra “Introdução” deve ser grafada em negrito com letras minúsculas, exceto a letra inicial. O item constará da justificativa para a realização do trabalho, situando a importância do tema abordado e estabelecendo sua relação com outros trabalhos, a partir de revisão atualizada da literatura, incluindo os objetivos do trabalho.

Material e Métodos: a expressão “Material e Métodos” deve ser grafada em negrito, com letras minúsculas, exceto as letras iniciais. O item deve descrever os métodos empregados no trabalho, de maneira que permita sua repetição e a descrição das análises estatísticas empregadas. Devem ser evitados detalhes supérfluos e extensas descrições de técnicas de uso corrente.

Resultados e Discussão: a expressão “Resultados e Discussão” deve ser grafada em negrito, alinhada à esquerda, com letras minúsculas, exceto as letras iniciais. Esta parte do texto deverá ser redigida sem divisão em subitens. Os autores devem evitar o uso de abreviaturas para designar variáveis e tratamentos. O artigo não deve conter conjecturas ou afirmações que não possam ser amparadas pelos dados obtidos no próprio trabalho ou pelos trabalhos citados. A apresentação de “Resultados” poderá ser separada de “Discussão” em casos excepcionais, conforme a estrutura do trabalho. Todos os resultados apresentados em texto, tabelas ou imagens, devem ser discutidos e não deverá ser feita menção a dados não apresentados.

As tabelas e figuras devem ser numeradas de forma independente, sequencial, com números arábicos, devendo ser incluídas no texto.

A discussão pode ser encerrada com as considerações finais ou com frases conclusivas.

Conclusões: a expressão “Conclusões” deve ser grafada em negrito, com letras minúsculas, exceto a letra inicial. Deve ser utilizada preferencialmente em trabalhos de Revisão. Deve apresentar uma análise crítica do tema proposto, podendo incluir perspectivas científicas do assunto. Artigos completos enviados com o item Conclusões, serão incorporados ao final da Discussão.

Agradecimento(s): item opcional. Os autores devem listar todas as fontes de financiamento na seção Agradecimentos. Os autores são responsáveis ​​pela exatidão da designação de seus financiadores.

Referências: As referências devem estar de acordo com as normas técnicas da ABNT (NBR6023/2018). Os trabalhos citados serão ordenados, alfabeticamente, pelo(s) sobrenome(s) do primeiro autor, seguido da inicial do(s) prenome(s). Sempre que houver, incluir DOI nas referências. Evitar fortemente literatura oriunda de anais de eventos (resumos), Teses e Dissertações.

Periódicos:

Artigos com até 3 autores:

HERINGER, I.; MOOJEN, E. L. Composição botânica e qualidade de uma pastagem de milheto em pastejo sob doses de nitrogênio. Pesquisa Agropecuária Gaúcha, v. 8, n. 1-2, p. 53-57, 2002.

 

CRUZ, L. S. P.; RODRIGUEZ, O.; IGUE, T. Reação de laranjeiras natal à aplicação de adubos minerais e orgânicos nas covas de plantio. Bragantia, v. 30, n. 14, p. 135-143, 1971.

 

Artigos com mais de 3 autores:

MELGAR, R. J. et al. Doses e épocas de aplicação de fertilizante nitrogenado para milho em latossolo da Amazônia Central. Revista Brasileira de Ciência do Solo, v. 15, n. 3, p. 289-296, 1991.

 

Livros:

SOARES, F.; BURLAMAQUI, C. K. Pesquisa científica: uma introdução, técnicas e exemplos. 2. ed. São Paulo: Editora Formar, 1972. 352 p.

STRECK, E.V. et al. Solos do Rio Grande do Sul. 2.ed. rev. e ampl. Porto Alegre: Emater/RS, 2008. 222p

 

Capítulo de livro:

FOY, C. D. Effects of aluminum on plant growth. In: CLARSON, E.W. (Ed.). The Plant Root and its Environment. Charlotesville: University Free of Virginia, 1977. p. 601-642.

VENDRAMIN, J. D. A Resistência de plantas e o manejo de pragas. In: CROCOMO, W. B. (Ed.). Manejo integrado de pragas. Botucatu: UNESP, 1990. cap. 9, p. 177-197.

Obs: Usar (Ed) para Editores ou (Org) para Organizadores do Livro.

 

Teses e dissertações:

LISBOA, B. B. Parâmetros microbiológicos como indicadores de qualidade do solo em sistemas de manejo. Porto Alegre: UFRGS, 2009. 77 p. Dissertação (Mestrado em Ciência do Solo) – Programa de Pós-Graduação em Ciência do Solo. Faculdade de Agronomia, Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

 

Boletins técnicos e outras publicações seriadas:

ANDRADE-BERTOLO, F. de O.; OTT, A. P.; FERLA, N. J. Ácaros em videira no Rio Grande do Sul. Porto Alegre: Fepagro, 2011. 24 p. (Boletim Técnico, 21).

 

Trabalhos publicados em anais de eventos:

ORLANDO FILHO, L.; LEME, E. J. de M. A utilização agrícola dos resíduos da agroindústria canavieira. In: SIMPÓSIO SOBRE FERTILIZANTES NA AGRICULTURA BRASILEIRA, 2., 1984, Brasília. Anais... Brasília: EMBRAPA, 1984. p. 451-475.

 

Referências obtidas na web:

BEZERRA, F. S. et al. Histoplasmin survey in hiv-positive patients: results from an endemic area in northeastern Brazil. Revista do Instituto de Medicina Tropical de São Paulo, v. 55, n. 4, July/Aug. 2013. Disponível em: <http://www.scielo.br/ scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0036-46652013000400261&lang=pt>. Acesso em: 8 maio 2014.

 

CITAÇÕES NO TEXTO DO MANUSCRITO

Citações no texto: as citações dos autores deve seguir as recomendações das Normas Técnicas da ABNT, e deverão ser indicadas da seguinte forma:

Nas citações, as chamadas pelo sobrenome do autor, pela instituição responsável ou título incluído no texto devem ser em letras maiúsculas e minúsculas: De acordo com Silva (2010)...

 Quando estiverem entre parênteses, devem ser em letras maiúsculas.

  • Somente um autor (AZEVEDO, 2003);
  • Dois autores (BERLATO; FONTANA, 2003);
  • Três autores (AZEVEDO; BERLATO; FONTANA, 2003);
  • Mais de três autores (NEUMANN et al., 2008).

Se for citado mais de um trabalho, separam-se por ponto e vírgula (BERLATO e FONTANA, 2003; JOST et al., 2010); com nome do autor incluído na sentença, “De acordo com Silva (2010)...”.

Citações diretas não são permitidas. Apud deve ser evitado ao máximo.

 

TABELAS E FIGURAS

Tabelas: deverão ser apresentadas abaixo do título precedido da palavra Tabela, em letras minúsculas, exceto a letra inicial, em negrito, com ponto final.

Ex. Tabela 1. Variação climática no ano de 2020.

Abaixo das tabelas poderão constar notas explicativas em fonte tamanho 10. Devem ser usadas linhas horizontais para separar o cabeçalho do título e do corpo, além da base da tabela. Linhas horizontais adicionais podem ser utilizadas dentro do cabeçalho e do corpo. Não utilizar linhas verticais externas. A inclusão das tabelas deve ser feita dentro do texto. Para a diagramação, os autores devem submeter as tabelas inseridas no texto nomeadas e numeradas.

Figuras: incluem gráficos, mapas, ilustrações e fotos isoladas ou organizadas em painéis. Gráficos deverão ser formatados em fonte Times New Roman, 11. Devem ser seguidas de título precedido da palavra Figura, de forma concisa e explicativa em letras minúsculas, exceto a letra inicial, em negrito, com ponto final, abaixo da Figura.

Ex.: Figura 1. Zoneamento agrícola em 2020.

As figuras devem ser anexadas dentro do texto. Imagens devem ser preferencialmente coloridas. Para a diagramação da revista, os autores devem submeter as imagens inseridas no texto, com resolução mínima de 300 dpi (formatos jpg ou tif para fotos e gif ou tif para gráficos e esquemas).

 

TAXAS DE TRAMITAÇÃO E PUBLICAÇÃO

Todo processo de submissão e publicação na PAG não requer cobrança de taxas. Todo processo editorial e de publicação são realizados de forma gratuita.

 

OUTRAS INFORMAÇÕES

Não serão fornecidas separatas ou exemplares da revista. Os artigos estão disponíveis no endereço eletrônico do periódico.

Em citações de artigos da Pesquisa Agropecuária Gaúcha, quando necessário abreviar o nome da revista (conforme IBICT/CCN), adotar “Pesq. agropec. gaucha”.

 

Editorial

Seção sob responsabilidade do Editor, que expressa opinião sobre a revista, artigos ou assuntos publicados.

 

Artigos

Artigos científicos originais e inéditos.

 

Declaração de Direito Autoral

Os autores declaram que o trabalho não foi publicado anteriormente, nem enviado simultaneamente para publicação em outro periódico e que  concordam com a submissão, conteúdo e transferência dos direitos de publicação do artigo em questão para o periódico científico Pesquisa Agropecuária Gaúcha - PAG. ​

Os autores assumem total responsabilidade pela originalidade do artigo, podendo incidir sobre os mesmos, eventuais encargos decorrentes de reivindicação, por parte de terceiros, em relação à autoria do artigo.

A reprodução total dos artigos da Revista em outros meios de comunicação eletrônicos de uso livre é permitida de acordo com a licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

 

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.